SILVIO GUINDANE

Silvio Guindane é um artista versátil que realiza trabalhos no cinema, no teatro e na televisão como diretor, dramaturgo e ator.

Começou a carreira ainda criança, aos 11 anos, no filme Como Nascem os Anjos (1996), que lhe valeu um Kikito, no Festival de Gramado, e um Candango, no Festival de Brasí­lia. Seus muitos trabalhos no cinema incluem ainda Em Nome da Lei, Sonhos Roubados e O Crime da Gávea. Trabalhou no longa de Ricardo Elias, Mare Nostro.

Foi ator, produtor e roteirista da versão teatral do clássico do cinema Perfume de Mulher e escreveu e dirigiu a peça Ele Ainda Está Aqui.

Em televisão esteve em produções da Rede Globo como O Clone, América e Orgulho e Paixão. Atuou ainda na Record TV em Balacobaco (pela qual foi indicado ao Prêmio Contigo de Melhor Ator Coadjuvante) e nos canais por assinatura Futura, MultiShow e Fox.

Outros trabalhos incluem as séries 3% e Bom dia, Verônica, ambas do Netflix, A Divisão, do Globoplay, e Segunda Chamada, da Rede Globo, da qual gravou a segunda temporada.

Em 2020, participou do especial da Rede Globo levado ao ar no Dia da Consciência Negra, Falas Negras.