Nascida em São Paulo, desde pequena Martha Meola pensava em ser atriz. A ideia se consolidou quando entrou para o CPT e logo saiu numa turnê de cinco meses pela Europa para fazer A Hora e a Vez de Augusto Matraga e Macunaíma, com direção de Antunes Filho. Daí em diante foram vários espetáculos: Há Vagas para Moças de Fino Trato (direção de Marcelo Lazzaratto), Edmond (direção de Ariela Goldman), Meu Filho Vai Casar (direção de Alexandre Reinecke) e Assim É (Se Lhe Parece), dirigido por Marco Antonio Pâmio, entre outros.

No cinema integra o elenco de filmes como Sonhos Tropicais (direção de André Sturn), Os Doze Trabalhos (direção de Ricardo Elias), O Cheiro do Ralo (direção de Heitor Dhalia), As Doze Estrelas (direção de Luis Alberto Pereira), O Palhaço (direção de Selton Mello) e Um Broto
Legal
(direção de Luis Alberto Pereira), ainda inédito.

Para TV já fez trabalhos para a Rede Globo, como a novela Tempo de Amar e as séries Verdades Secretas e Hebe (inédita), e a produção inédita do Netflix, Sintonia.